segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Nós




Minha língua mergulha em tua boca
e procura a tua língua
pra saber dos teus segredos
explorando o teu céu
de cometas flamejantes
que incendeiam meu desejo
de beber tua saliva
que me encanta com teu hálito
(tão peculiar, saboroso)
E nas voltas que a gente dá
naquele universo tão íntimo
(minha boca na tua boca)
meu querer é um só
que o instante não termine
que os olhos não se abram
que os corpos se despertem
e trafeguem livremente
pelo reino dos sentidos.

Nina Victor



Nenhum comentário: